Nos dias de hoje é difícil se falar sobre tecnologia e não abordar o tema carros elétricos. A tecnologia de veículos elétricos está em evidência no mundo. Todos os dias surge uma notícia nova, um lançamento da Tesla, um fabricante ou um país colocando prazo para extinguir a fabricação de veículos à combustão, uma nova fabricante entrando no mercado.

O avanço dos carros elétricos também está intimamente ligado a outros avanços tecnológicos ou sociais, como os veículos autônomos, os carros compartilhados e as energias renováveis.

Iremos abordar nesse artigo as últimas novidades à respeito desses veículos.

Carros elétricos vs Carros híbridos vs Carros plug-in

Primeiramente é necessário diferenciar os carros elétricos dos carros híbridos e plug-in. A diferença básica entre os veículos está na presença ou não de motor a combustão e de um plug-in para carregamento das baterias.

Carros híbridos – Os carros híbridos apresentam tanto motor elétrico quanto motor à combustão. Nesses veículos não existe o plug-in de recarga, sendo as baterias recarregadas apenas por regeneração durante as frenagens e na inércia das descidas. O motor elétrico, nesse tipo de veículo, funciona basicamente como apoio para o motor à combustão, propiciando baixo consumo de combustível (pode chegar a 18,9km/l na cidade para o Toyota Prius, segundo o fabricante). Devido à menor capacidade das baterias, quando comparado com os outros modelos, este veículo apresenta menor custo e, tipicamente, um porta-malas maior. Além disso o veículo apresenta elevada autonomia quando comparado aos demais, podendo superar 800km.

Carros plug-in – O carro plug-in também é um carro híbrido, pois apresenta os motores elétricos e à combustão, porém possui baterias com maior capacidade e um plug-in para carregamento das baterias. Essa alternativa apresenta autonomia de até 50km apenas no motor elétrico, permitindo que, para a maioria dos usuários, seja possível operar apenas no motor elétrico nos trajetos do dia-a-dia. Como vantagem em relação aos veículos 100% elétricos está a autonomia, dando mais tranquilidade ao usuário.

Carros elétricos – Por sua vez, os carros elétricos são aqueles que possuem motorização exclusivamente elétrica. Esse modelo geralmente apresenta uma menor autonomia total, sendo adequado para o dia-a-dia da cidade mas de uso restrito para viagens. A principal vantagem desse modelo é a não utilização de combustível, proporcionando maior economia e zero emissão de gases.

Carros elétricos e o impacto na matriz energética

Uma das grandes preocupações referentes à entrada dos carros elétricos no mercado mundial está relacionada aos impactos gerados nos sistemas de energia, em especial em países com infraestrutura precária, como o Brasil. De acordo com a Agência Internacional de Energia (IEA), quando considerado o cenário até 2030, os carros elétricos serão responsáveis por apenas 6% do aumento na demanda de energia provocado por novas cargas. Apesar de representar um valor relativamente pequeno, dependendo dos padrões utilizados, como o horário e local de carregamento dos veículos elétricos, pode-se obter impactos nos sistemas de geração, transmissão e distribuição de energia.

No âmbito da distribuição, a alta concentração de veículos elétricos em uma certa região pode provocar sobrecargas, resultando em desgaste acelerado dos sistemas de distribuição e eventuais interrupções de fornecimento, tornando necessário o investimento em linhas de distribuição e transformadores.

Nos sistemas de transmissão, o aumento da demanda nos horários de pico irá requerer mais serviços ancilares (Serviços agregados de forma implícita à venda de energia elétrica não correspondentes à energia elétrica em sí), como regulação de frequência e reserva girante.

Já nos sistemas de geração, o aumento da demanda de energia frente à escassez no fornecimento tende a provocar um aumento no preço da energia elétrica.

O papel da energia fotovoltaica no mercado de carros elétricos

A utilização da energia fotovoltaica aparece como alternativa para ajudar a reduzir os impactos dos carros elétricos nos sistemas de fornecimento de energia elétrica. Para tal deve-se adotar um método de carregamento controlado para os veículos, coincidindo os horários de carregamento com o de geração fotovoltaica. Para atingir esse tipo de controle, uma estratégia é a adoção de sinais no preço da energia em função do horário de consumo.

O gráfico a seguir apresenta uma previsão da Agência Internacional de Energia (IEA) do adicional de carga em uma residência europeia com geração fotovoltaica, devido ao uso de veículos elétricos, no ano de 2030. Pode-se observar que, em um carregamento não controlado resultaria em um aumento no consumo de pico em aproximadamente um terço.

No que se refere ao custo da energia, a adoção de sistemas fotovoltaicos em geração distribuída para carregamento dos carros elétricos permitirá um menor impacto relação oferta x demanda, diminuindo um eventual impacto no valor das tarifas de energia elétrica. Além disso, aquele que possuir um sistema fotovoltaico será pouco, ou até mesmo nada, impactado pelos aumentos da tarifa provocados pela chegada dos carros elétricos ou por qualquer outra razão.

Carros elétricos no mundo

A cada dia os carros elétricos têm adquirido uma fatia maior do mercado de veículos mundial. Evidenciando esse fato, no ano de 2016 foram comercializados mais de 750 mil veículos elétricos no mundo. Ainda no ano de 2016, a Noruega de destacou fortemente em termos de market share, onde 29% dos veículos vendidos foram elétricos ou híbridos (esse dado ultrapassou os 50% em 2017). Seguindo a Noruega aparece a Holanda com 6,4% e a Suécia com 3,4%. No mesmo ano a China ultrapassou os Estados Unidos com o maior número de carros elétricos circulando, com aproximadamente um terço da frota mundial.

Total de carros elétricos e híbridos comercializados no mundo

Vendas e market share de carros elétricos e híbridos em alguns países

Um ponto extremamente importante para o desenvolvimento do mercado de carros elétricos é a evolução na infraestrutura, principalmente nas estações de recarga públicas. Em 2016 o número de estações de recarga instaladas no mundo cresceu 72%, frente aos 60% de crescimento no número de veículos.

Com 2 milhões de carros elétricos circulando no mundo, a Agência Internacional de Energia (IEA) aponta para a continuação do forte crescimento, esperando atingir uma marca entre 40 e 70 milhões de carros elétricos até 2025. Impactando neste crescimento, alguns países já apresentam um prazo no qual não será mais permitida a venda de veículos movidos a combustão de combustíveis fósseis. São eles:

País Prazo
Reino Unido 2040
França 2040
Alemanha 2030
Noruega 2025
Holanda 2030
Áustria 2020
Índia 2030
China Sem prazo definido

Além desses países, algumas montadoras já definiram um prazo no qual somente fabricarão veículos elétricos ou híbridos, são os casos de:

Montadora Prazo
Volvo 2019
BMW 2025
Toyota 2050

No final de 2017 a consultoria Focus2move elaborou uma lista com os carros elétricos mais vendidos no mundo. Após três anos com o Tesla Model S e o Nissan Leaf dominando amplamente o mercado, um chinês surpreendeu. Lançado em 2016 e disponível apenas no mercado chinês, foram vendidas mais de 72.000 unidades do BAIC EC 180 em 2017. Segue o ranking completo:

Modelo Vendas 2017
BAIC EC 180 72.191
Tesla Model S 55.449
Nissan Leaf 52.778
Toyota Prius PHEV 50.511
Zhi Dou D2 EV 47.493
Tesla Model X 44.655
BYD Song PHEV 30.510
Renault Zoe 28.994
BMW i3 27.077
Chevrolet Bolt 25.835
BAIC-EC180

BAIC EC 180 – Fonte: Cleantechnica

Principais lançamentos 2018

Faraday FF91

Faraday

Fonte: Moneyinc

Talvez o lançamento mais esperado para 2018, o Faraday FF91, é um super carro elétrico, capaz de atingir 100km/h em apenas 2,39 s. Esse carro também se destaca pela elevada autonomia, podendo atingir aproximadamente 600 km com uma carga completa. Outro ponto de grande destaque neste carro é a tecnologia integrada a ele, como por exemplo o sistema de abertura das portas por reconhecimento facial e sistema de estacionamento autônomo. Para quem procura um veículo futurista esse é o carro certo, com toda a tecnologia embarcada possível. Será lançado inicialmente nos Estados Unidos e, na sequência, na China.

Fisker Emotion

Outro super carro elétrico aguardado para 2018 é o Fisker Emotion. De acordo com o fabricante, esse carro consegue atingir a velocidade de 260 km/h e suporta um sistema de pilotagem autônoma. Sua autonomia atinge 640 km e consegue percorre 200 km com uma carga de 9 minutos. O carro elétrico será lançado nos Estados Unidos a um preço base de U$ 129.900.

 

 

Tesla Model 3

Tesla Model 3

Fonte: U.S.News

Embora esse modelo da Tesla já esteja disponível, é praticamente impossível adquiri-lo. Aproximadamente 500.000 pessoas pagaram para reservar um modelo mas a montadora não está conseguindo entregar todos os veículos. Para se ter uma ideia, se você reservar um modelo hoje, ele será entregue em um ano ou mais. A versão de entrada do Tesla Model 3 é de motor simples e custa $44.000. O carro tem autonomia de 496 km por carga. Em 2018 a montadora pretende lançar outra versão de entrada com preço inicial de $35.000 e autonomia de 350 km.

 

 

2018 Nissan Leaf

Nissan Leaf

Fonte: U.S.News

Em 2018 a Nissan está lançando um novo modelo do Nissan Leaf. Esse modelo com visual totalmente reestruturado, conferindo esportividade para o carro, possui um sistema de bateria de 40 kWh, permitindo 240 km de autonomia. Outro atrativo desse carro elétrico é Nissan ProPilot assist, o sistema de direção semi autônoma da Nissan.

 

 

 

Audi E-Tron Quattro

audi-e-tron-quattro-concept-2015-frankfurt-auto-show_100527541_m

Fonte: U.S.News

Esse carro elétrico da Audi possui três motores, um no eixo dianteiro e dois no eixo traseiro. Com uma autonomia de quase 500 km, esse SUV apresenta um banco de baterias de 95 kWh. Assim como o Nissan Leaf esse carro elétrico apresenta tecnologia para direção semi autônoma, comandando um motor de 502cv.

 

 

 

 

Carros elétricos no Brasil

No Brasil os carros elétricos e híbridos ainda estão começando a surgir no mercado. Com poucas opções disponíveis, o consumidor que deseja adquirir um veículo desses passa por dificuldades devido ao preço e disponibilidade no mercado.

Além do elevado preço devido à tecnologia, outro grande vilão é o valor do IPI. Hoje os carros elétricos e híbridos possuem alíquota de 25% neste imposto. O programa Rota 2030, que deve substituir o programa Inovar-Auto que terminou em dezembro de 2017, propõe nova alíquota, que deve ser entre 7 e 9%. No imposto de importação o incentivo já acontece, os veículos elétricos ficam isentos, enquanto os híbridos tiveram redução da alíquota de 35% para valores entre 7% e 0%, dependendo da eficiência energética.

A frota de carros elétricos e híbridos no país ainda é muito baixa, sendo que, em 2017, as vendas chegaram a 3.296 veículos (valor 3 vezes maior do que em 2016). Com a redução da alíquota e a diversificação dos modelos disponíveis, a expectativa é que ocorra um crescimento nas vendas nos próximos anos, mesmo que ainda muito pequeno frente ao volume total de veículos comercializados (2,239 milhões em 2017).

Quanto às opções disponíveis no mercado, são escassas, com apenas um modelo de carro elétrico, três híbridos e dois plug-in. São eles:

Modelo

Tecnologia Valor

Toyota Prius

Híbrido R$ 123.950
Lexus CT200H Híbrido R$ 129.990
Ford Fusion Hybrid Híbrido R$ 159.500
BMW i3 Elétrico R$ 169.900
Mistsubishi Outlander PHEV Plug-in R$ 204.990
BMW i8 Plug-in

R$ 799.950

Próximos lançamentos de carros elétricos no Brasil

Os próximos anos irão trazer grandes novidades no setor de carros elétricos e híbridos no Brasil. A lista a seguir apresenta os próximos veículos que devem chegar às concessionárias brasileiras.

Volkswagem Golf GTE e e-Golf

Já em 2018 a Volkswagem promete trazer duas versões com motorização elétrica do já conhecido Golf. O Golf GTE é uma variação híbrida do modelo convencional 1.4 TSI, apresentando um motor elétrico de 50 cv, que somando ao motor a combustão entrega 201 cv de potência.

Já o e-Golf trata-se de uma versão 100% elétrica que, de acordo com a marca, desenvolve até 300 km de autonomia. Com uma potência de 136 cv, o carro consegue atingir velocidade de até 137 km/h

Nissan Leaf

A Nissan é outra montadora que já anunciou que, a partir de 2019, irá trazer o já conhecido no mundo dos elétricos, Nissan Leaf, para o Brasil. O carro 100% elétrico, já apresentado neste artigo, deve chegar ao país com preços em torno dos R$ 130.000. A alguns anos atrás a Nissan fez uma experiência importando algumas unidades do Leaf para o Brasil, mas essas ficaram restritas a alguns taxistas e frota da imprensa.

Renault Kwid elétrico

Fonte: G1

A Renault também já anunciou que irá lançar o seu subcompacto Kwid, na versão elétrica, para países emergentes. Inicialmente a China será agraciada com o carro elétrico, mas o Brasil e a Índia, assim como o Oriente Médio estão nos planos da marca. Ainda não foram divulgados dados técnicos do veículo.

 

 

 

Perspectivas do mercado de carros elétricos

Apesar de se mostrar uma tendência mundial, o futuro dos carros elétricos e híbridos no Brasil ainda é incerto. A efetivação do programa Rota 2030 ainda não é certa. Um outro fator que aparece como dificultador para o avanço dessa tecnologia é a concorrência com etanol, outra solução para a redução do consumo de combustíveis fósseis. A deficiência na infraestrutura é outro problema, a falta de estações de recarga dificulta o uso dos carros 100% elétricos, tornando os híbridos uma alternativa mais difundida. Além disso a chegada desses veículos trará uma série de desafios para o já defasado setor energético brasileiro.

Apesar das dificuldades acreditamos que é um caminho sem volta e, mesmo que demore mais, o Brasil irá acompanhar as tendências mundiais.

Fontes:

https://kbb.sapo.pt/detalhes-noticia/qual-a-diferenca-entre-carros-hibridos-plug-in-e-eletricos/?ID=78

https://www.iea.org/publications/freepublications/publication/GlobalEVOutlook2017.pdf

https://g1.globo.com/carros/noticia/mais-de-50-dos-carros-novos-vendidos-na-noruega-sao-eletricos-ou-hibridos.ghtml.

http://www.autoinforme.com.br/bmw-e-toyota-vao-abandonar-carro-a-combustao/

https://cleantechnica.com/2017/05/25/baic-ec180-shines-china-electric-car-sales-report/

https://paultan.org/2018/01/04/2018-fisker-emotion/

https://cars.usnews.com/cars-trucks/future-electric-cars

http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,governo-estuda-reduzir-ipi-de-carros-eletricos-de-25-para-7,70002140216

https://quatrorodas.abril.com.br/noticias/volkswagen-golf-tera-versoes-hibrida-e-eletrica-no-brasil/

https://g1.globo.com/carros/noticia/renault-testa-kwid-eletrico-na-china-e-diz-que-ele-pode-chegar-ao-brasil.ghtml

Photo by Noya Fields under CC BY-SA 2.0 license

Assine nossa newsletter e fique por dentro das notícias sobre a energia solar!